terça-feira, 12 de abril de 2011

IMPRESSÕES SOBRE UM PRIMEIRO ENSAIO


 Acompanhei, numa sala do Vila Velha, o primeiro ensaio de trilogia remix, espetáculo que deverá comemorar os 20 anos da Trilogia do Pelô, iniciada em 1991 com o espetáculo Essa é a nossa praia.
A proposta que Marcio fez aos atores do Bando foi retomar os personagens da Trilogia e imaginá-los 20 anos depois. Os atores começaram a circular pela sala e foram, conduzidos pelo diretor, pouco a pouco entrando em seus personagens. Em determinado momento, Marcio indicou que eles interagissem, e começou a magia.
   Cláudio Simões                                                                                                                                                                                                                  Como espectador privilegiado, foi incrível ver aqueles personagens que eu conhecia há 20 anos (eu estava na estreia de Essa é a nossa praia) irem se delineando e voltando a existir através daqueles atores. Com Marcio conduzindo tudo de perto, ora em meio aos atores, ora junto á equipe que gravava o ensaio, fui vendo as relações que se (re) estabeleciam entre os personagens e como os atores iam tentando criar 20 anos de história para eles, como iam reagindo aos 20 anos de história criados pelos outros. Numa dinâmica em que, a cada momento, um personagem assumia um dos 4 microfones distribuídos pela sala de ensaio, depoimentos e discussões se revezavam, criando um quase espetáculo sempre acompanhado da percussão – feita pelos próprios atores – e efeitos sonoros pilotados por Jarbas e João.
Depois de um tempo com aquela interação entre os personagens, eis que assume o microfone uma moradora do Pelourinho. Uma não-atriz que estava acompanhando o ensaio e que foi responsável por um dos melhores momentos da noite. Eu, que já estava tomado pela entrega dos atores aos seus personagens e ao jogo cênico, fiquei ainda mais emocionado vendo aquela mulher dizer que via a si mesma e à sua comunidade refletidas naquelas atuações.













Neste momento, recebi um sms de um amigo, que estava numa aula de seu mestrado, me dizendo: “Aula chata”. Tive que responder: “Ensaio de arrepiar”.
É só um começo, tem muito chão pela frente, mas a magia já está lá. Magia remixada.
Eu estava na plateia na estreia de Essa é a nossa praia, bem como estive na estreia de Bye, bye, Pelô, a terceira da trilogia.

Cláudio Simões
Salvador, 11/04/2011

Fotos: Jorge Washington e Ednaldo Muniz

Um comentário:

eliete disse...

eu fiz parte de tudo isso estou com saudades e quero participar eliete miranda